Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

Pernambuco

Campanha para instalar painéis solares no sitio da camponesa Maria Francisca, em São Lourenço da Mata (PE)

Desde que nasceu, a camponesa Maria Francisca, 56 anos, mora num sítio de dois hectares no município de São Lourenço da Mata, situado na Região Metropolitana do Recife (RMR). Lá, sua família vem enfrentando há vários anos uma luta na justiça contra quem tenta expulsá-la do local: a Usina Petribú, uma das maiores do setor sucroalcooleiro em Pernambuco. Sua história ficou conhecida por meio do documentário Acercadacana, do diretor Felipe Peres Calheiros (clique aqui)…

Leia mais:

Em live, governador de PE responde Pauta de Reivindicações do 7º Grito da Terra

Em live, governador de PE responde Pauta de Reivindicações do 7º Grito da Terra
 

Solidariedade, doação, luta por direitos e união de movimentos, entidades e artistas que atuam em defesa das pautas do campo marcaram a realização do 7º Grito da Terra Pernambuco, nesta segunda-feira (19), com o tema Agricultura Familiar: Cuida da Terra e Alimenta o Mundo. A transmissão ao vivo pelo Facebook e Youtube da Fetape foi acompanhada pelos dirigentes sindicais de 174 STRs de todo o estado e parceiros, e teve mais de 3 mil visualizações.…

Leia mais:

7º Grito da Terra Pernambuco reivindica vacinação e políticas para fortalecer a agricultura familiar

Movimento sindical rural apresenta propostas concretas para melhoria de vida no campo e na cidade no contexto de pandemia e de volta da fome  

O Movimento Sindical Rural de Pernambuco, representado pela Federação de Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares de Pernambuco (Fetape) e seus 174 sindicatos filiados, realizaram hoje (19) o 7º Grito da Terra Pernambuco – 2021 com o tema Agricultura Familiar: Cuida da Terra e Alimenta o Mundo. Devido a pandemia do coronavírus, a mobilização foi realizada em plataforma virtual e transmitida pelas redes sociais. Confira aqui: https://www.youtube.com/watch?v=lwK4U0j1F6M…

Leia mais:

Cobra preta: versos em resistência

Cobra preta: versos em resistência

Edvaldo Bezerra de Andrade, o Cobra Preta, nascido em 1938 na comunidade Varzinha dos Quilombolas, Sertão de Pernambuco, é um homem-narrativa que por meio de seu testemunho mantém viva a memória de uma ancestralidade. Sua fala provoca o resgate da identidade de um povo que, pela história oficial contada, chegou ao Brasil durante o processo de colonização. Em uma conversa com a Comissão Pastoral da Terra (CPT), ainda em 2014, disse: “minha mãe sempre falou que a avó vivia no cativeiro e ela sempre dizia que quando o negro não fazia o que o patrão gostava, o negro apanhava muito no cativeiro”.…

Leia mais: