Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

  • 3.jpg
  • 9.jpg
  • 7.jpg
  • 10.jpg
  • 2.jpg
  • 6.jpg
  • 1.jpg
  • 5.jpg
  • 8.jpg
  • 4.jpg

Camponeses e camponesas da comunidade do Engenho Gongo “Terra de Jeremias”, em Itambé, reuniram-se em um mutirão de celebração por mais um ano de resistência e permanência na terra. Na última quarta-feira, 13, a comunidade formada por cinquenta famílias posseiras celebrou o dia com diversas atividades coletivas, como a organização da sede da associação comunitária e um plantio de mudas nativas produzidas pelo Padre Tiago Thorbly, agente histórico da CPT que fez a sua passagem no mês de abril. No fim do dia, foi realizada uma celebração e confraternização coletiva.

 

As atividades contaram com a participação de homens, mulheres, crianças, idosos e idosas. Ao longo do dia, os camponeses e camponesas fizeram a memória dos e das mártires da terra e lutadores/as do povo, sendo lembrados alguns nomes que dedicaram a vida à luta em defesa dos povos do campo, como Jeremias, Luiza Ferreira, Margarida Maria Alves e especialmente o Padre Tiago, homenageado por ter sido um grande apoiador das agricultoras e agricultores do Gongo.

Com essas ações, as famílias posseiras da comunidade esperançam a chegada de um novo dia, “de um novo céu e de uma nova terra”, em que possam desfrutar do direito de permanecer no local em que vivem há mais de três gerações, produzindo alimentos saudáveis para o campo e para a cidade. Estiveram presentes nesse dia celebrativo representantes da Comissão Pastoral da Terra (CPT), do Movimento das Comunidades Populares (MCP), do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Igarassu, Ronaldo Fernandes, vereador de Itambé, além de representações de seu mandato.


Confira aqui algumas imagens.