Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

  • 5.jpg
  • 6.jpg
  • 3.jpg
  • 10.jpg
  • 4.jpg
  • 8.jpg
  • 1.jpg
  • 2.jpg
  • 7.jpg
  • 9.jpg
Disco é cantado pelo trio de músicos e compositores Nilton Freittas, Targino Gondim e Roberto Malvezzi - Kaio Cads

Nesse mês de outubro, em que o Rio São Francisco completa 520 anos do seu descobrimento, aconteceu entre as cidades de Petrolina (PE) e Juazeiro (BA), no Vale do São Francisco, o lançamento de um projeto que reflete sobre a convivência com o semiárido. É o CD "Belo Chico", produzido pelos artistas Roberto Malvezzi (Gogó), Targino Gondim e Nilton Freitas, o mesmo trio que gravou “Belo Sertão", em 2005. 

O disco faz parte do projeto “Belo Chico - A convivência com o Rio São Francisco através da música” e é uma obra pedagógica. A coletânea musical convida o público a navegar, canta sobre as lendas do Opará, traz denúncias sociais, reflete sobre a necessidade de revitalização e ainda celebra a festa, um elemento tão presente na cultura dos povos ribeirinhos. 

Essa foi uma iniciativa viabilizada pelo Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada (IRPAA) e da Articulação Popular São Francisco Vivo, com recursos da Cáritas Alemã e produção da Toca pra Nós Dois. A partir de novembro, todas as músicas vão estar disponíveis nas plataformas digitais.

 

Fonte: 

Júlia Vasconcelos
Brasil de Fato | Petrolina (PE) 

Edição: Vanessa Gonzaga