Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

 

Cerca de cem famílias trabalhadores e trabalhadoras rurais de diversas comunidades em situação de conflito no estado de Pernambuco estão neste exato momento (manhã de segunda-feira, dia 01 de outubro de 2018) nas dependências do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), localizado na Avenida Rosa e Silva, no Recife. As famílias são posseiras e reivindicam a desapropriação dos imóveis em que vivem há mais de setenta anos. Todas encontram-se sob ameaça de despejo ou expulsão provocados por Usinas de cana-de-açúcar, ou já falidas ou que possuem dívidas milionárias a serem pagas ao Estado.
As famílias informam que não há previsão para retorno de suas casas até que consigam respostas e encaminhamos satisfatórios por parte do órgão.
 
Mais informações em breve.