Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

No último domingo, 28 de julho, na comunidade João Pedro Teixeira, no município de Sapé/PB, foi realizada uma oficina de Teatro do Oprimido com jovens de comunidades rurais acompanhadas pela Comissão Pastoral da Terra na região da Várzea, na Paraíba.  A oficina foi organizada pela Comissão Pastoral da Terra, pela Coordenação da Juventude Camponesa da região Várzea e pela Rede de Educação Cidadã (Recid). Cerca de vinte jovens participaram do momento.

A atividade faz parte de uma série de três oficinas com enfoque em expressões artísticas planejadas pela coordenação da juventude camponesa da Várzea para o ano de 2019. Rafael Reginaldo, da associação do assentamento Dona Helena e da Comissão Pastoral da Terra, ressalta que “a arte tem grande importância na vida camponesa, na vida da juventude do campo. Nós utilizamos justamente o Teatro do Oprimido porque nos identificamos com ele. Traz o envolvimento e estabelece um diálogo com a realidade vivida e a arte. Os/as jovens se identificaram bastante. Acreditamos neste potencial do trabalho com arte e teatro e queremos estender essa experiência para outras comunidades camponesas”.

Fonte e imagens: CPT Equipe João Pessoa