Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

Há 15 anos, a Feira Camponesa realizada pela Comissão Pastoral da Terra (CPT) traz alimentos saudáveis, produzidos nos assentamentos e acampamentos de luta pela terra em Alagoas, para a Praça Afrânio Jorge, mais conhecida como Praça da Faculdade, no bairro do Prado. A 31ª edição do evento começa nesta quarta-feira, 02, e continua até o sábado, 05.

30ª Feira Camponesa, realizada em junho, teve muita abóbora, graviola, abacaxi e banana

Focada nos princípios da agroecologia, essa feira livre comercializa uma variedade de produtos sem agrotóxicos, mas, também, de forma sustentável, com o respeito necessário ao meio ambiente e agregando conhecimentos científicos e tradicionais.

Venda de alimentos durante a 29ª Feira Camponesa


Cada vez mais, ao longo dos anos, as famílias camponesas acompanhadas pela CPT têm incorporado à sua prática de agricultura as questões ambientais, culturais, sociais, políticas e éticas. Portanto, ao consumir os produtos da Feira Camponesa, o consumidor está contribuindo com a preservação do meio ambiente, bem como com a luta dos empobrecidos pelo direito à terra para “plantar, colher e repartir” – conforme o lema do evento.

Consumidor faz questão de mostrar que aprova os produtos da feira

A comunidade conhece bem as feiras da Praça da Faculdade e muita gente já espera os meses de junho e outubro para comprar seus alimentos na Feira Camponesa, inclusive, sabe até o nome dos trabalhadores rurais preferidos e em quais barracas encontra os produtos diretamente da roça que deseja.

A professora aposentada Sandra Araújo fica maravilhada com os produtos disponíveis. Ela é frequentadora tanto das grandes feiras no Prado, quanto das Feiras Camponesas itinerantes, que ocorrem em outros bairros de Maceió. “A sensação que eu tenho hoje é que eu estou no céu. Eu priorizo comer frutas, mas eu tenho um desgosto em saber que elas estão contaminadas com agrotóxicos”, disse Sandra durante a edição itinerante na Serraria.

De acordo com a agrônoma e coordenadora da CPT em Alagoas, Heloísa Muniz do Amaral, a 31ª Feira Camponesa contará com cerca de 70 barracas, feirantes de pelo menos 17 áreas do litoral, zona da mata e sertão do estado, Casa de Farinha e restaurante camponês, além de uma programação cultural noturna com muito samba, forró e MPB de quarta a sexta-feira.

A Feira Camponesa é realizada pela CPT com apoio do Iteral

A perspectiva é a comercialização de 100 toneladas de uma grande diversidade de produtos, desde frutas, legumes e verduras, mudas de plantas e animais até artesanatos. “Nessa edição, em plena estação das flores, os camponeses e camponesas vão apresentar os frutos do trabalho no campo após um inverno abençoado por Deus”, contou Heloísa.

Os preços dos produtos, geralmente, são iguais ou inferiores aos praticados nos grandes supermercados, com o diferencial de que o público sabe a procedência do alimento que está adquirindo, entre outras vantagens, a exemplo da pechincha com os vendedores que só ocorre nas feiras livres.

A programação de shows e do bingo do carneiro da Feira Camponesa é divulgada nas redes sociais e <aqui> no blog da CPT. Entre as atrações estão Coco de Trupé, Gustavo Gomes, Mulheres na Roda de Samba, Guilla Gomes, Mestre Gama e Chau do Pife e Pinóquio do Acordeon.



Serviço:
31ª Feira Camponesa
Data: 02 a 05 de outubro de 2019
Horário: 06 às 23h
Local: Praça Afrânio Jorge (Praça da Faculdade) - Prado, Maceió/AL
Outras informações: +55 82 9 9137-6112 (Carlos Lima) / +55 82 9 9341-4025 (Heloísa Amaral)