Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

A 17ª Assembleia da CPT NE 2, que acontece no Santuário Padre Ibiapina, em Solânea/PB, está sendo marcada por muita solidariedade e partilha, que são características identitárias das diversas comunidades vindas de quatro estados do Nordeste (Paraíba, Pernambuco, Alagoas e Rio Grande do Norte).

Na memória afetiva do Nordeste a partilha de alimentos é algo sagrado, porque muitas vezes representa o agradecimento a Deus pelo dom da boa produção e da colheita, realizadas em tempo de seca ou em tempo de bonança das chuvas.

A partilha tradicionalmente é uma forma de resistência e luta das comunidades que unem laços através da doação ou da troca de alimentos e representa sociabilidade, e fraternidade. Ângela Santos, da comunidade quilombola Pau de Leite, em Mirandiba/PE, diz que “nas nossas comunidades tradicionais, sempre fizemos a partilha de alimentos entre as famílias e também para a realização de nossos encontros. Nós não compramos nada, tudo vem das comunidades”. A camponesa Flávia, do Sertão de Alagoas, fala que “partilha a gente sempre faz nas comunidades. É comum também nos encontros a gente mesmo fazer as atividades de cozinha, sempre a gente faz isso”.

Essa característica sagrada das comunidades foi trazida para a Assembleia da CPT NE2. Os mais de 150 participantes doaram mais de uma tonelada dos mais diversos alimentos produzidos na terra em que vivem e que representa a diversidade encontrada na produção camponesa. Através desse ato, as comunidades demonstram sua forma de relação com a vida em comunidade: partilhar é um sinal de união.

“O povo trouxe e a gente cozinha pra todos e todas”, fala Dona Vera, uma das responsáveis pela cozinha durante a Assembleia. De fato, os alimentos trazidos pelas comunidades servirão a todos e todas como memória às antigas comunidades cristãs que generosamente repartem o que possui. Essa dinâmica de partilha é que seguirá na alimentação e nas plenárias da 17ª Assembleia Regional da CPT NE 2.

 

 

 

Texto: Denis Venceslau – CPT Pajeú/PE